Hospital Municipal de Valparaíso é licenciado pela SUVISA e fica apto a credenciar novas especialidades e receber recursos federais

O Hospital Municipal do Céu Azul (HMV) recebeu nesta quinta-feira (08) o seu Alvará de Licença Sanitária emitido pela Superintendência de Vigilância em Saúde (SUVISA).

Em 30 de maio de 2017 o mesmo órgão que hoje certifica, quase fechou o Hospital pela falta de atendimento à uma série de exigências sanitárias que estavam sendo feitas desde 2013. A partir daí, segundo o prefeito Pábio Mossoró, esse Alvará se tornou uma prioridade ainda maior.

Na ocasião, a secretaria municipal saúde providenciou o atendimento imediato para algumas das exigências feitas pela SUVISA e ganhou prazo para atender as mais profundas.

O trabalho que começou com a ex-diretora Boni da Saúde, veio sendo desempenhado a quase três anos pela Vanderli Ferreira que assumiu a função e implementou protocolos de registros, testes, aperfeiçoamento contínuo, segurança e uma série de adequações físicas como manutenção de paredes, portas, banheiros, cozinha, entre outros.

Com esse Alvará, o governo municipal já deu entrada no credenciamento do HMV junto ao SUS (Sistema Único de Saúde) para que a unidade passe a receber recursos federais.

Até aqui o HMV foi 100% financiado com recursos do governo municipal, que investe algo em torno de R$ 800 mil por mês na unidade, e o credenciamento pode reduzir esses gastos em até 80%, gerando uma economia de cerca de R$ 7,6 milhões ao ano.

A outra vantagem dessa certificação e credenciamento, elencada pelo prefeito Pábio Mossoró, é fato de que com eles a secretaria de saúde poderá implementar novas especialidades e iniciar o processo de criação da maternidade pública municipal.