Homem que seria a ligação entre a máfia italiana e o PCC foi preso no Rio

Polícia Federal prendeu André de Oliveira Macedo, conhecido como André do Rap, na madrugada de domingo (15/09), em uma casa de luxo no município de Angra dos Reis, na Costa Verde do Rio de Janeiro. O suspeito já foi transferido para São Paulo.

Mais dois comparsas foram detidos e encaminhados para São Paulo para interrogatório, suspeitos de colaborarem ou trabalharem diretamente para André do Rap, apontado pela PF como o elo entre a máfia italiana e o Primeiro Comando da Capital (PCC) no Brasil.

Na casa de luxo em Angra dos Reis, a polícia apreendeu um helicóptero, avaliado em R$ 7 milhões e uma embarcação do tipo iate, avaliada em R$ 6 milhões, ancorada no pier da casa.

Segundo investigação da Polícia Federal, o suposto traficante comandava as chegadas e saídas de navios no Porto de Santos, litoral sul de São Paulo, de onde partiam os navios carregados de drogas e voltavam carregados de dinheiro, entre Euros e Dólares americanos.

Tocador de vídeo

00:00
00:41