Detento asfixia vigilante e tenta fugir da UPA em que era atendido em Goiás

Preso foi levado para o hospital após se envolver em uma briga na cadeia.
Ele foi baleado por agente e socorrido, de novo, na unidade, em Rio Verde.

Do G1 GO

Unidade de Pronto-Atendimento (UPA) de Rio Verde, Goiás (Foto: Reprodução/TV Anhanguera)Unidade de Pronto-Atendimento (UPA) de Rio Verde, Goiás (Foto: Reprodução/TV Anhanguera)

O detento Marcos Roberto Oliveira, de 38 anos, tentou fugir da Unidade de Pronto-Atendimento (UPA) em que era socorrido após se envolver em uma briga na cadeia, no sábado (18) em Rio Verde, na região sudoeste de Goiás. De acordo com a Secretaria de Segurança Pública e Administração Penitenciária (SSPAP), ele asfixiou o vigilante da unidade, fugiu do local, mas foi recapturado por agentes prisionais.

O caso aconteceu na manhã de sábado na UPA de Rio Verde. Conforme a SSPAP informou ao G1, Marcos Roberto ficou ferido após brigar com um colega de cela, no Centro de Reintegração Social (CRS) da cidade, e foi levado para a unidade para ser atendido.

No local, antes de asfixiar o vigilante, o preso o ameaçou de morte e o obrigou a abrir o portão de acesso à rua, por onde fugiu.

Segundo a secretaria, o detento foi recapturado por agentes prisionais a algumas quadras da UPA. Ele foi baleado, levado de volta a unidade, onde foi submetido a um curativo e, em seguida, levado de volta à unidade prisional.

“O fato foi registrado no Sistema de Segurança Pública por meio do RAI e junto à Polícia Civil de Rio Verde e será instaurada sindicância para apurar as circunstâncias da tentativa de fuga e recaptura do fugitivo”, diz o texto da nota enviada pela SSPAP.

 

tópicos: