16 prefeitos que mais se destacaram em 2019

Gustavo Mendanha é apontado como a revelação política e administrativa de Goiás. Darrot e Iris Rezende são bem avaliados

A lista foi elaborada a partir de entrevistas com marqueteiros, pesquisadores, políticos, intelectuais e jornalistas. Os mais votados foram listados – o que não significa que não há outros prefeitos de qualidade (até porque muitos não são bem conhecidos). Listas são um microcosmo e foram arrolados única e exclusivamente os que receberam mais indicações. Gustavo Mendanha foi o campeão, seguido dos prefeitos Iris RezendeJânio Darrot e Roberto Naves. Os comentários que acompanham cada nome são sínteses feitas pelo jornal a partir dos que ouviu dos entrevistados. Como a maioria dos consultados pediu a omissão de seus nomes, o jornal optou por não divulgar o nome de nenhum dos votantes.

Adib Elias, prefeito de Catalão | Foto: Renan Accioly / Jornal Opção

1 – Adib Elias/sem partido/Catalão

Trata-se de um “trator”, de uma “força da natureza”. É apontado como um gestor eficiente e dedicado. Só não ganha a eleição se ocorrer um terremoto na cidade – é o que se diz no meio político.

Agenor Rezende, prefeito de Mineiros | Foto: Jornal Opção

2 – Agenor Rezende/MDB/Mineiros

Passou por alguns momentos ruins, mas deslanchou. Sua administração é considerada acima da média. Reeleito, não pode disputar em 2020. Seu candidato já desponta em primeiro lugar, dizem políticos da cidade.

Carlão da Fox, prefeito de Goianira | Foto: Fernando Leite/Jornal Opção

3 – Carlão da Fox/PSDB/Goianira

Reclama-se que fica pouco em Goianira. Mas há um consenso de que administra a cidade melhor do que o gestor anterior, Miller Assis. Deve trocar o tucanato pelo Pros, de seu amigo Wilder Morais, e é o favorito para a disputa.

Daniel do Sindicato, prefeito de Cristalina | Reprodução

4 – Daniel do Sindicato/PSB/Cristalina

Titubeou no início, mas encontrou o rumo certo e faz uma gestão de qualidade. É jovem e moderno. Tende a ser reeleito. Aliados sugerem que amplie sua frente política.

Divino Lemes, prefeito de Senador Canedo | Foto: Fábio Costa/Jornal Opção

5 – Divino Lemes/PSD/Senador Canedo

É apontado como workaholic e um prefeito eficiente. Popular, tende a ser reeleito. Pode trocar de partido.

Gustavo Mendanha, prefeito de Aparecida de Goiânia | Foto: Fabio Costa/Jornal Opção

6 – Gustavo Mendanha/MDB/Aparecida de Goiânia

Todos os entrevistados disseram que é a revelação administrativa e política de Goiás. Deve ser reeleito, até porque a oposição não consegue encontrar um candidato para enfrentá-lo.

Hildo do Candango, prefeito de Águas Lindas | Foto: Divulgação

7 – Hildo do Candango/PTB/Águas Lindas de Goiás

É apontado como o melhor prefeito da história do município. É gestor eficiente e um político articulado. É uma das estrelas políticas do Entorno de Brasília e é cotado para disputar mandato de deputado estadual ou federal em 2022. Tem condições de fazer o sucessor.

Iris Rezende, prefeito de Goiânia | Foto: Fernando Leite/Jornal Opção

8 – Iris Rezende/MDB/Goiânia

Tem 86 anos, mas parece ter no máximo 40, tal a sua capacidade de trabalho. 2019 foi o ano das obras na capital, o que consagrou o prefeito. Ele lidera as pesquisas e, se disputar, tende a ser reeleito – talvez no primeiro turno.

Jânio Darrot, prefeito de Trindade | Foto: Fábio Costa/Jornal Opção

9 – Jânio Darrot/PSDB/Trindade

Ficará, até que surja outro, como o melhor prefeito da história de Trindade. Trata-se de um gestor tanto eficiente quanto decente. Recuperou as contas públicas e priorizou obras essenciais para o crescimento da economia do município e para o desenvolvimento. Tende a eleger o sucessor. Assumiu a presidência do PSDB e conseguiu pacificar o partido – que, na sua gestão, saiu da UTI e já começa a andar com as próprias pernas.

Pábio Mossoró: prefeito de Valparaíso | Foto: Fernando Leite/ Jornal Opção

10 –  Pábio Mossoró/Vai para o MDB/Valparaíso

O jovem prefeito é apontado como um gestor criativo e bem avaliado pela população. Depois do rompimento com a deputada Lêda Borges, ficou ainda mais popular. A caminho do MDB, trata-se de um gestor que se preocupa com o social e com o crescimento da economia do município.

Paulo do Vale, prefeito de Rio Verde | Foto: Divulgação

11 – Paulo do Vale/sem partido/Rio Verde

É tido como mais gestor do que político. Mal-humorado, não agrega. Mas, quando se pediu que o gestor fosse examinado, os entrevistados disseram que se trata de um administrador eficiente. Vai pegar uma pedreira pela frente, o médico e ex-prefeito Juraci Martins (PSD).

Roberto Naves, prefeito de Anápolis | Foto: Fernando Leite/Jornal Opção

12 – Roberto Naves/PP/Anápolis

É citado como mais gestor do que político. No momento, as duas imagens, a do gestor eficiente e a do político que articula com habilidade, começam as ser fundidas. Tem chance de ser reeleito, sobretudo porque seu trabalho é reconhecido. Ele ajustou as contas da prefeitura e faz obras de qualidade.

Rogério Toncoso, prefeito de Morrinhos | Foto: Reprodução

13 – Rogério Troncoso/PTB/Morrinhos

Figura fácil na lista dos melhores prefeitos da história do município. É tido como “grosso” e “mal-educado”. Mas todos reconhecem que se trata de um gestor eficiente, que organizou as contas municipais e fez obras de qualidade. Melhorou a saúde, por exemplo. Aposta-se que fará o sucessor – André Luiz Mattos ou Tércio Menezes.

Selma Bastos, prefeita da Cidade de Goiás | Foto: Reprodução

14 – Selma Bastos/PT/Cidade de Goiás

Há quem diga que o PT não sabe administrar e gosta mesmo é de convocar uma reunião para, ao seu término, convocar outra reunião. Mas os entrevistados garantem que a petista faz uma administração qualitativa. Não pode ser reeleita, pois está no segundo mandato.

Valmir Pedro, prefeito de Uruaçu | Foto: Fernando Leite/Jornal Opção

15 – Valmir Pedro/PSDB/Uruaçu

Conhecido como “prefeito das obras”, o tucano revelou-se um político competente e, sobretudo, um gestor eficiente e criativo. Ele articula os recursos de maneira que se possa fazer várias obras ao mesmo tempo. Tem uma pedreira pela frente, Azarias Machadinho, bancado pelo governador Ronaldo Caiado. Mas é um candidato altamente competitivo.

Vinícius Luz, prefeito de Jataí | Foto: Fernando Leite/Jornal Opção

16 – Vinicius Luz/PSDB/Jataí

O jovem prefeito é citado como um gestor eficiente, que recuperou a cidade. No conjunto, sua administração é bem avaliada. Vai enfrentar uma pedreira em 2020, o ex-prefeito Humberto Machado. Mas este pode ser surpreendido.

RSS
Follow by Email
Facebook
Twitter